Beira Meu Amor

A Beira foi o grande amor da minha vida. Recebeu-me com seis anos, em Novembro de 1950 e deixei-a, com a alma em desespero e o coração a sangrar, em 5 de Agosto de 1974. Pelo meio ficaram 24 anos de felicidade. Tive a sorte de estar no lugar certo, na época certa. Fui muito feliz em Moçambique e não me lembro de um dia menos bom. Aos meus pais, irmão, outros familiares, amigos e, principalmente, ao Povo moçambicano, aqui deixo o meu muito obrigado. Manuel Palhares

Archives
A minha fotografia
Nome:
Localização: Odivelas, Lisboa, Portugal

domingo, fevereiro 26, 2006

Notícias: Música da Semana, Novos Links e Poeta da Semana


Caros amigos,

1 - A Música da Semana: "Don't" de Elvis Presley.

2 - Novos links:

a) - Arquivo Nacional da Torre do Tombo, no grupo Instituições;

b) - Zambézia Online, o primeiro portal dedicado à província da Zambézia e onde podem assinar "O Autarca", o primeiro jornal online da cidade da Beira, no grupo Imprensa Internacional.

3 - O Poeta da Semana: José Craveirinha; poema - Sementeira.

Com amizade,

Manuel Palhares

Odivelas, 26 de Fevereiro de 2006.

2 Comments:

Blogger Isabel-F. said...

OI...

Bom Dia...
Não quererás colaborar com o Projecto Esperança?...
Vê no meu Blog.

Bjs

terça-feira, fevereiro 28, 2006 11:49:00 da manhã  
Blogger Manuel Palhares said...

Isabel,

Ainda mais pavoroso que a morte de um filho, deve ser sabê-lo alvo das mais abjectas sevícias e não poder fazer nada.
Dito isto, claro que vou colaborar, colocando um link no meu blog.
Um beijinho,

Manel

terça-feira, fevereiro 28, 2006 4:28:00 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home

/body>